Cresça o tráfego no seu funil

[Guia – 10P] Configurar API de conversões do Facebook

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Gustavo Anverze

Espero que esse conteúdo ajude você de alguma forma!

Neste guia você terá um passo a passo para configurar corretamente a API de conversões do Facebook através do Google Tag Manager, conseguindo o instalar em qualquer site que use o WordPress ou outras plataformas.

Bom, já tem um bom tempo que as formas de rastreamento do Facebook mudaram para atender as regras de privacidade de dados e por isso passaram a focar tanto na API, assim passamos a não depender dos cookies para termos os dados de rastreamento.

Cada título que você encontrar abaixo é um passo a ser seguido e deverá ser seguido na ordem que está estruturado para que a sequencia lógica faça sentido. Esse é um post técnico, com uma tentativa de deixar o mais fácil possível para você entender. Mesmo assim, nesse mundo de APIs existem vários casos diferentes, então se ficar com dúvida em algo, não deixe de comentar abaixo do post.

O tempo estimado para a execução de todos os passos abaixo é de 3 horas.

Então, vamos lá?!

1. Criar uma Conta no GA4

Dentro do Google Analytics, existem duas versões disponíveis: o Universal Analytics e o Google Analytics 4.

O mais utilizado atualmente é o Universal Analytics por ser um pouco mais antigo e ainda ter mais funcionalidades que a nova versão.

Porém, a única versão que consegue fazer o que precisamos, é o Google Analytics 4.

Se você ainda não tem nenhuma conta nele, basta fazer o cadastro no site oficial usando sua conta Google, escolhendo criar o Google Analytics 4 quando a opção aparecer.

Porém, se você já tem uma conta universal (UA), basta ir até Configurações > Assistente de configuração do GA4 > Primeiros passos e seguir o passo a passo que abrir.

API de conversões do Facebook - GA4

Depois de criado o GA4, adicionar a nova tag ao site (podendo ser diretamente ou pelo GTM).

2. GTM – Criar Container Server na mesma conta do Container Web

Essa parte é muito importante, pois é graças a ela que será possível fazer a conexão do servidor do seu site com a API de conversões do Facebook.

É necessário que você já tenha uma conta e um container Web no Google Tag Manager (GTM), caso ainda não tenha, crie uma clicando aqui.

Agora, na mesma conta que existe o Container Web, você precisará criar um Container Server.

Para isto, basta acessar a home do seu GTM, clicar nos 3 pontinhos da conta que você precisa criar o novo Container Server e clicar em Criar Container.

API de conversões do Facebook - GTM

Agora, basta dar um nome para o seu novo container, selecionar a opção Server e clicar em Criar.

OBS: coloque “- Server” ao final do nome que você escolher, assim ficará mais fácil identificar o Container futuramente.

API de conversões do Facebook - GTM Container server

Quando a criação for finalizada, você será redirecionado para a página inicial do novo container e surgirá um popup com duas opções, para o caso deste post, como usaremos o Google Cloud Plataform, devemos selecionar a opção Provisionar automaticamente o servidor de tags.

Caso você tenha fechado a janela sem querer, basta clicar no seu código da GTM, na home do container.

API de conversões do Facebook - GTM server
API de conversões do Facebook - GTM server

3. Criar Conta no Google Cloud Plataform e conectar com o GTM

Quando você clicar em Provisionar automaticamente o servidor de tags do passo anterior, você verá um novo popup com um botão para criar uma conta de faturamento, clique nele (até o momento da criação desse post, não existem custos nesse processo).

Você será redirecionado para o Google Cloud e deverá fazer um cadastro simples, usando a sua conta Google já existente, onde você informará apenas o tipo da sua empresa, seu telefone (será enviado um SMS de verificação) e um cartão de crédito.

Frisando: segundo eles, não será cobrado nenhum valor automaticamente.

Quando finalizar a criação, você será redirecionado novamente para o GTM, para selecionar a conta de faturamento que você acabou de criar.

Ao clicar em criar, o novo Container Server será criado. Isso pode demorar alguns minutos.

Quando você ver a tela abaixo, o servidor está criado e sincronizado com o Google Cloud!

API de conversões do Facebook - GTM server integrado com Google Cloud Plataform

4. Ativar o Client Name (Variável) e Criar o acionador Facebook Eventos

Para a criação da tag pelo servidor, é preciso ativar a variável Client Name. Então você deve ir até Variáveis e clicar em Configurar.

Na nova janela, apenas selecione Client Name e feche o popup, com isso, ele já ficará ativado nas suas variáveis.

Com isso configurado, vá em Acionadores e crie um novo acionador, de tipo personalizado, com o nome referenciado o Facebook e apenas para alguns eventos: onde o Client Name contém o texto GA4.

API de conversões do Facebook - GTM server - variável Client Name

5. Criar tag Facebook CAPI

Agora vem a parte da criação da tag em si, aquela que vai ser adicionada ao seu site.

Vá até Tags e clique em Nova.

Na configuração da tag, como não existe algo especifico para o Facebook (e não será usado HTML nesse caso, pois é pelo servidor), veja a Galeria de modelos da comunidade e, nele, selecione a Facebook Conversions API Tag, criado pela facebookincubator, e adicione ao seu espaço de trabalho.

Atualização: o nome alterou para Conversions API Tag e a logo é da cor alaranjada. O criador permanece sendo o facebookincubator, que é da empresa Meta.

Agora você precisará ir até o Gerenciador de Eventos, no Facebook, para copiar o código do seu pixel, o Token da API de Conversões e o Código de Evento de Teste.

O código do pixel é o mais simples e fica já na tela inicial do Gerenciador de eventos. Deve ser o mesmo pixel que você já usa no site e em outras plataformas (Hotmart, Eduzz, Active Campaign, etc).

Para conseguir o Token da API, você deve ir até Configurações, descer até a seção de API de Conversões e, na parte de Configurar manualmente, clicar em Gerar token de acesso.

Copie o token gerado e o cole no Google Tag Manager.

Agora falta o evento de teste. Para isto, vá até a aba Eventos de Teste no Gerenciador de Eventos e clique no botão de teste, na seção de Testar eventos do servidor.

API de conversões do Facebook - Eventos de teste

Ao clicar, o código será copiado para sua área de transferência, então basta o colar no Google Tag Manager.

Agora basta adicionar o acionador que você criou com base nos eventos do GA4 e salvar a tag. Suas configurações da tag devem estar parecidas com a imagem abaixo.

API de conversões do Facebook - GTM server - variável CAPI

6. Criar a variável de Evento ID

Essa variável deve ser criada no Container Web do GTM, o mesmo que você provavelmente já usava até então.

A função desse processo é muito importante: evitar a duplicação de eventos no pixel.

Estando no Container Web do GTM, vá até Variáveis e clique em Nova, na seção de variáveis definidas pelo usuário.

API de conversões do Facebook - GTM web

Em seguida, a nomeie como Event ID e clique na caixa de Configuração da variável e, depois, clique em Galeria de modelos da comunidade. Agora clique na lupa e pesquise por “Event ID” e selecione a opção criada pela mbaersch (ou outro de seu conhecimento) para adicionar ao seu espaço de trabalho.

API de conversões do Facebook - GTM web - Event ID

É comum que a variável não seja corretamente adicionada à configuração, nesses casos, basta atualizar a página com F5 e recriar a variável.

Dessa vez a variável estará listada como modelo personalizado, bastando a selecionar, sem precisar pesquisar novamente.

API de conversões do Facebook - GTM web - Event ID

Selecionando esse evento, basta salvar a variável.

Agora, em variáveis incorporadas, clique em Configurar e selecione todas as variáveis que você possa vir a utilizar em seu site, para evitar um retrabalho futuro.

API de conversões do Facebook - GTM web

Feito essa parte, já podemos partir para a criação da Tag de GA4 Config.

7. Criar Tag de GA4 Config

Ainda no Container Web do GTM, vá até Tags e clique em Nova.

Em Configurações da tag, selecione Google Analytics: configuração do GA4 e informe o ID da sua conta.

O ID da sua conta no GA4 pode ser encontrado indo em Administrador > Fluxo de dados e clique no seu domínio. Ao abrir a nova janela, você já verá o seu ID.

API de conversões do Facebook - GA4 config

Agora que você tem o código do seu ID do GA4, coloque-o na tag que você está criando no GTM.

Em seguida, desmarque a opção Enviar um evento de visualização de página quando esta configuração for carregada e marque a opção Enviar para o contêiner do servidor.

Ao marcar essa opção, você deverá informar também a URL do contêiner do servidor.

Para saber qual é a sua URL, vá até o Container Server (criado anteriormente) e clique no seu código de GTM para abrir um popup. A sua URL estará dentro dele, então basta copia-la.

Após adicionar a URL no campo da Tag no Container Web, clique em Campos a serem definidos e adicione uma nova linha.

Nessa nova linha, em Nome do campo coloque “event_id” e em Valor coloque “{{Event ID}}” (ou outro nome que você tenha escolhido para sua variável).

Caso não lembre o nome da sua variável, você pode clicar na peça de lego para listar todas as suas variáveis.

API de conversões do Facebook - GTM web - event ID

Na seção Acionamento, clique na caixinha e selecione o evento All Pages (padrão do GTM).

Agora basta salvar e partir para o próximo passo!

8. Criar Tag de GA4 Evento

Nessa fase precisamos criar os eventos de ativação do pixel. Para esta documentação, vou exemplificar criando o evento PageView, que é o mais comum no pixel do Facebook.

Dentro do Container Web, vá até a página de Tags e clique em Nova.

Diferente de quando adicionamos um evento diretamente pelo HTML da página, neste caso, em Configuração da tag, usaremos a opção Google Analytics: evento do GA4.

Em Tag de configuração, selecione a Tag criada na etapa anterior, no meu caso é a Google Analytics – GA4 – Config.

No campo Nome do evento, você poderá informar o nome de um evento padrão do Facebook (você pode consultar todos os eventos nesse link) ou um evento personalizado da sua escolha, então neste caso usaremos “PageView”.

Na seção Parâmetros de evento, novamente adicione uma nova linha para o “event_id”, como feito na tag de configuração.

API de conversões do Facebook - GTM web - event ID

Em Acionamento, selecione All Pages.

Se a sua tag estiver parecida com a imagem abaixo, basta clicar em Salvar.

API de conversões do Facebook - GTM web

Você deverá criar uma Tag GA4 para cada evento que você precisar ter dentro do seu site.

9. Criar Tag de Eventos Padrões do Facebook

Para que não ocorra duplicidade de eventos, é necessário também que o pixel “normal” seja instalado através de um configurador diferente, e não adicionando um script pelo HTML, como normalmente é feito.

Com isso, crie uma nova tag e clique na caixa de Configuração da tag. Em seguida, clique em Galeria de modelos da comunidade e pesquise por “facebook”.

Nos resultados, selecione a opção Facebook Pixel criado pela facebookarchive (também criado pela empresa Meta, com a diferença que neste usuário são os projetos que não recebem mais atualização).

Ao selecionar a opção, você deverá informar novamente o ID do seu pixel, no campo destinado a ele, selecionar o evento desejado (sendo padrão ou personalizado), para este exemplo usaremos o evento Standard PageView.

Na seção More Settings, dentro do campo Event ID selecione a variável {{Event ID}} criada anteriormente.

Em Acionamento, selecione All Pages.

Se sua configuração estiver parecida com a imagem abaixo, basta salvar.

API de conversões do Facebook - GTM web - tag eventos

Você deverá criar uma Tag de pixel para cada evento que você precisar ter dentro do seu site.

Se você usar eventos personalizados (Custom), os nomes de eventos criados na etapa anterior (tag do GA4) devem ser os mesmos que serão criados aqui.

Agora, no seu espaço de trabalho do GTM, clique em Enviar para que todas as alterações sejam efetivadas.

Com isso, as configurações estão finalizadas, faltando apenas fazer os testes no Facebook!

10. Testando a API no Facebook

Se você chegou até aqui, merece os parabéns, pois é a última etapa!!

Como já adicionamos o evento de teste do Facebook no Container Server do GTM, agora só precisamos ir até o Gerenciador de eventos no Facebook.

Dentro do gerenciador, vá até a aba Eventos de Teste, informe o site que você quer testar e clique em Abrir site.

API de conversões do Facebook - testando integração

Quando seu site abrir, o Gerenciador de eventos mostrará todos os eventos que são carregados com o seu site. Se você ver que tem algum evento Desduplicado, como na imagem abaixo, significa que sua API de Conversões está funcionando corretamente e você consegue buscar eventos pelo servidor também!

API de conversões do Facebook - integração com sucesso

Caso apareça apenas 1 evento vindo do navegador, algum dos passos foi feito incorretamente e você deverá revisar todos os pontos entre o Container Server e o Container Web.

O evento do servidor demora uns segundos a mais para aparecer, então não se preocupe. Se ele for o único aparecer, verifique se você está usando algum bloqueador de anúncios no navegador, pois ele faz com que o evento vindo do cookie (navegador) realmente não vá para o Facebook.

Se precisar de alguma ajuda pontual com a API de conversões do Facebook, pode comentar aqui abaixo que te responderei assim que possível!

E, caso precise de uma ajuda mais personalizada para fazer essas configurações, não deixe de solicitar sua consultoria de tráfego clicando aqui no botão que está aparecendo em algum canto da sua tela. 😊

Até Mais!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Gustavo Anverze
Gustavo Anverze
Gestor de tráfego e programador, apaixonado por viajar. Compartilho algumas dicas para que você consiga melhorar seu tráfego, seus sites e seus funis de venda!
Posts Relacionados

Posts Populares

Você quer mais tráfego?

Então clique no botão abaixo, selecione uma opção, e vamos conversar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.